27.8.16

O DIA | continuação

Cheguei ao bloco e toda a equipa estava á minha espera... ele não estava comigo.

Com muito esforço consigo mudar da minha cama para a cama onde tudo ia acontecer, mas ele não estava comigo, eu queria fazer força, queria muito fazer força e doí muito fazer força para não fazer força e assim que me deito na cama a parteira disse-me que ia ser muito rápido, mas ele não estava comigo e pedi para o chamarem, a parteira teve de gritar para o chamarem rápido senão ele perdia o parto! Ele entrou, atirou as coisas para o chão e não saiu mais dali.

Fiz força e à 5ª vez pelas 15h58, com 3625g e 48 cm ela nasceu... muito roxa e gordinha... com cara dela própria!! Puxei-a para mim ainda ligada ao cordão e estive a adorá-la uns segundos!! Ele cortou o cordão e ficamos os 3 tão felizes que não tinha-mos palavras para expressar o que sentia-mos.



De repente vejo o meu filho a entrar no bloco, tinha um sorriso de orelha a orelha, estava feliz e apaixonado com a mana, deitou-se ao nosso lado e ficamos os 4 ali tranquilos a aproveitar cada segundo do que estava a acontecer.

Pegou nela e deu-lhe beijos atrás de beijos.



Fomos todos juntos para o meu quarto e o meu pequenino só perguntava, quando voltamos para casa e que ia ter muitas saudades minhas e da mana.



Foi tudo muito tranquilo, ela mamava bem e logo na 1ª noite vi que iria ser como o mano e ia ser calma e dormir a noite toda.

Foram 3 longos dias e eu deserta de vir para casa. As enfermeiras foram todas muito queridas e correu tudo pelo melhor.

Sem comentários: