30.9.14

I present to you this blog and the blogger


Sou uma pessoa cheia de sorte, vivo com o meu namorado de sempre que é o melhor homem que conheço, admiro-o muito e ainda por cima é giro que se farta , juntos temos quatro filhos, 3 raparigas e um mini rapaz. A família é o centro da minha vida. 
A minha formação é na área social embora já a tenha abandonado há mais de 10 anos quando vim para o Centro Cultural de Cascais, para o Serviço Cultural e Educativo, trabalhar no diálogo entre a Arte e a Educação. 
Desde que fiquei grávida deste quarto filho que sonho em deixar de trabalhar fora de casa, para "terceiros", e dedicar-me a um projeto meu, criar o blogue veio ao encontro desta necessidade e vontade e tenho muitas ideias para concretizar neste sentido, muitos projetos, muitos sonhos... falta-me tempo e dinheiro!

Às vivências que vou tendo, sem ser um espelho da minha vida o blogue reflete o que vou vivendo, sentindo e que quero partilhar. As publicações resultam de episódios vividos nunca são construídos ou criados em função do blogue, é a Vida que comanda o blogue, nunca o blogue que comanda a vida!

Pergunta muito difícil. Tenho dezenas de livros de literatura infantil... Adoro a história da Vassilissa que vi várias vezes sublimemente trabalhada pelo Teatro O BANDO, "A morte melancólica do rapaz ostra" Tim Burton também é dos meus favoritos; "A Fada-Bruxa" é um livro muito interessante, não sei mesmo... gosto de muitos, acho que há um livro para cada ocasião, para mim os livros sempre foram aliados importantissimos na educação dos meus filhos. No blogue faço com regularidade publicações sobre livros, a literatura infantil é uma área que adoro.


Sopa e|ou legumes para sopa; tomate, alface, queijos, iogurtes, leite, ovos... um frigorífico de uma família numerosa. Ir ao mercado e encher o frigorifico de legumes e frutas é das coisas que me fazem mais feliz atualmente.


O contexto da arte é altamente inspirador, a relação entre a Arte e a Educação, a criatividade o contacto com as crianças, com os adolescentes com os artistas... gosto de tudo isto mas neste momento gostava de poder fazer uma longa pausa, dedicar-me a 100% à família e criar um projeto sustentável que estivesse relacionado com o blogue... sonhos.



"Viver todos os dias cansa" é um título de um livro do Pedro Paixão que eu li há muitos anos e gostei muito, é uma frase que muitas vezes me aparece na cabeça. Quando pensei um fazer um blogue sobre a minha vida, lembrei-me deste titulo, achei que fazia sentido mas resolvi tirar o "cansa" pois não era essa a ideia...


Tenho um grande número de livros de literatura infantil que comprei compulsivamente quando as meninas eram pequenas e que continuo a comprar embora de forma mais ponderada hoje em dia. É o mais parecido que tenho com uma colecção.


A manhã, adoro acordar cedo e sentir o dia ainda "limpinho", gosto de ser a primeira a acordar e "inaugurar o dia"a beber uma cevada, sozinha a olhar para rua através da janela da minha cozinha. Também gosto muito de ir à praça ou passear na praia muito cedo.


Bom Humor e pontualidade | Mau humor e pontualidade.


Uma nova camisa de flanela aos quadrados, umas botas D'Ornellas Boots, uma peça da Orbital Collection da Ana Pina.


Para os miúdos sem dúvida a DADA FOR KIDS.


Uiii... esta tive de pedir ajuda a uma amiga que respondeu qualquer coisa como: Casual|Urban - Rock, Atual, descontraído com um toque rock. Eu tenho dificuldade em me definir, gosto de tanta coisa... só detesto coisas fofinhas seja para mim seja para os meus filhos, odeio!

Não gosto muito de andar de mala, sempre que posso encho os bolsos e deixo a mala em casa, mas nesta fase com o bebé não é muito possível. Olhando para a mala de hoje encontro: Máquina fotográfica, carteira, óculos escuros, telemóvel, chaves de casa e do carro, frasquinho de bolas de sabão, um body de bebé, fraldas, toalhitas, stick de arnica, uma maçã, alguns papéis soltos e quatro lápis (que utilizo para prender o cabelo e vou acumulando em todas as malas).


Vestidos.


Adoro viver em Cascais mas também gostava de viver no Porto ou em Vila do Conde. Fora de Portugal não sei, talvez num país nórdico daqueles muito amigos das famílias e das crianças...


Para breve: Berlim só com o meu rapaz barbudo.


Divirtam-se e façam qualquer coisa que vos encha de orgulho quando olharem para trás.

http://vivertodososdiasaqui.blogspot.pt/

2 comentários: